Nova Publicação para Cerâmica Calderon

 

Valentin Calderón figura como um dos pioneiros da arqueologia no Nordeste do Brasil. Membro do Programa Nacional de Pesquisas Arqueológicas entre as décadas de 1960 e 70, foi responsável pelos levantamentos sistemáticos nos sítios arqueológicos do estado da Bahia e identificou a tradição cerâmica Aratu. Calderón foi também o idealizador do Museu de Arqueologia e Etnologia da Universidade Federal da Bahia (MAE/UFBA), que hoje salvaguarda sua coleção arqueológica e seu arquivo pessoal. Em uma parceria realizada com pesquisadores do Center for Regional Heritage Research da Stephen F. Austin University, Texas, EUA, os artefatos cerâmicos da coleção Valentin Calderón foram digitalizados através do uso de tecnologias 3D. No total, foram escaneados 27 objetos cerâmicos, dentre vasilhames e urnas funerárias. A iniciativa ofereceu subsídios para pensar a digitalização como forma de preservação, principalmente no que se refere à conservação e restauração, documentação e comunicação do acervo. Os modelos 3D resultantes do processo de digitalização permitem uma análise detalhada dos artefatos e obtenção de dados sem a manipulação direta, contribuindo de forma relevante para a preservação dos acervos. Os dados e modelos serão, em breve, disponibilizados para a pesquisa e também utilizados na nova exposição de longa duração do MAE/UFBA.

calderon2

selden3dtagline300

Written by zselden

Selden (PhD, Texas A&M University, 2013) is a husband, father, US Marine Corps veteran, cyclist, kayaker, backpacker, hiker, climber, fisherman and general all-around outdoor enthusiast. His research is focused at the confluence of archaeological methods and digital technology, and he is particularly interested in the application of 3D technologies to archaeological problems, geometric morphometrics, network analyses, predictive modeling, archaeological theory, and archaeological science.